click foto Studio

segunda-feira, 6 de julho de 2015

Meta do ‘novo PMDB’ é conquistar Presidência

Com ou sem Dilma Rousseff, o PMDB decidiu que vai trabalhar para manter-se no poder a partir de 2018, mas trocando o Palácio do Jabuti, sede da Vice-Presidência, pelo do Planalto. A despeito da crise que engole a atual gestão da presidente e dos rumores de encurtamento do mandato dela, os líderes peemedebista traçaram um projeto para ter um candidato forte na disputa pela Presidência daqui a três anos e meio.
Se Dilma permanecer até o fim de seu mandato, o caminho do PMDB rumo ao Planalto passará pelas gestões de Renan Calheiros (AL) e de Eduardo Cunha (RJ) nos comandos das duas Casas do Congresso e pela administração do prefeito Eduardo Paes no Rio de Janeiro, sede dos Jogos Olímpicos de 2016. Antes de falar em nomes, a cúpula peemedebista acha que precisa utilizar essas três frentes para imprimir uma imagem de partido “pragmático”, capaz de criar um terceira via entre a polarização tucano-petista das últimas décadas.
A intensa agenda imposta por Cunha e Renan no Legislativo, aliada ao sonhado sucesso dos Jogos, daria ao partido a oportunidade de construir um discurso “realizador” em 2018. Se isso der certo, o mais provável é que Paes e Cunha disputem a indicação para ser o candidato.
ctv-yps-paes: Eduardo Paes (RJ) é uma das prováveis opções do PMDB para concorrer à Presidência da República em 2018© Fornecido por Estadão Eduardo Paes (RJ) é uma das prováveis opções do PMDB para concorrer à Presidência da República em 2018
Até lá, Cunha e Renan devem trabalhar para manter Dilma fragilizada, pois uma presidente fraca significa um Executivo fraco, o que abre espaço para um Legislativo forte, avaliam. A estratégia dos dois é desgastar Dilma mediante sucessivas derrotas no Congresso.
A pauta de Cunha e de Renan busca o apelo popular, setorial e “federativo”. Enquanto isso, Cunha cresce e se consolida como o “anti-PT”. Segundo apurou o Estado, ele encomendou uma pesquisa de intenção de voto para presidente na qual aparece com 5%. Esse porcentual aumenta quando o nome do PSDB é Geraldo Alckmin (SP), e não Aécio Neves (MG).
No caso de Cunha, porém, antes de qualquer pretensão eleitoral, ele tem de ser inocentado na investigação dos desvios e da corrupção na Petrobrás, em que é acusado de ter recebido dinheiro do esquema. Quanto a Renan, também implicado nesse caso, o próprio partido avalia que ele tem uma imagem desgastada.
Serra e empresários
Outra alternativa discutida dentro do PMDB inclui uma aproximação com o senador José Serra (PSDB-SP). Veterano em disputais presidenciais (ficou em segundo em 2002 e em 2010), ele garantiria ao PMDB uma candidatura competitiva e agregaria ao partido, ao qual já foi, inclusive, filiado, o discurso da “experiência” para lidar com momentos de turbulência política e econômica – o PMDB ainda precisa conquistar a confiança do empresariado nacional.
Serra mantém bom relacionamento com o PMDB no Congresso, mas a missão de convencê-lo a deixar o PSDB ainda é o maior entrave para esse “plano b”. Serra tem respondido às sondagens com afirmação de “ainda é cedo para falar sobre 2018”.
Temer
O próximo passo do projeto peemedebista de voltar ao Planalto após o fim da gestão Sarney (1985-1990) é a saída do vice-presidente Michel Temer da função de articulador político de Dilma. O grupo do vice não estaria disposto a esperar as eleições de 2018.
O combinado é que Temer deixe a função após o recesso parlamentar para que o PMDB posso discutir com mais desenvoltura uma eventual saída de Dilma da Presidência. A avaliação entre os líderes peemedebistas é de que “a crise atual é a própria presidente” e de que Temer funciona como uma proteção a Dilma. Por esse raciocínio, sem Temer, Dilma ficaria desprotegida e abriria um canal de comunicação para que ela mesma possa ouvir sugestões sobre a possibilidade da renúncia. Renan e Cunha são contra a estratégia.

Administração Publica de Brejo esta a deriva

Vergonha:Descaso Com a Manutenção da Quadra Poliesportiva do distrito de São Domingos 

 Tudo esta amarrado com tiras 


O gestor do município do Brejo da Madre de Deus agreste Pernambucano vem a cada dia de sua administração castigando a população o mesmo vem conduzindo uma administração que esta a deriva, ou seja, ele (Dr Edson) não mostrou o que veio fazer na prefeitura do Brejo, e o povo é quem vem sofrendo com o descaso na sua administração, mais o blog São Domingos Pode Mais mostra a realidade de como se encontra o distrito de São Domingos.


A reportagem mostra um verdadeiro descaso da administração pública municipal com a falta de manutenção da parte elétrica da quadra poliesportiva que fica localizada no distrito de São Domingos, ao registra esse fato que já faz muitos dias e a prefeitura não ta nem ai para resolver o problema.

 descaso é grande o contador (medidor de energia elétrica) esta com uma boa parte de sua fiação a mostra, sabemos que a Quadra é usada para varias crianças de São Domingos Jogar bola, mas se uma criança na sua inocência colocar as mãos nos fios vai levar um choque e devido a potencia da energia que é trifásica poderá chegar ate a morte, tudo isso devido a irresponsabilidade do prefeito dr Edson.  

 O Diretor do Blog Erivaldo Alves mostrando o descaso na
 administração do prefeito liminar do Brejo 




Do Blog São Domingos Pode Mais 

quinta-feira, 2 de julho de 2015

“Nunca recebi salário da Câmara”, diz doméstica usada por Pedro Correa para desvios de R$ 622 mil

A empregada doméstica Reinasci Cambuí de Souza prestou depoimento ao juiz federal Sérgio Moro, que conduz as ações penais da Operação Lava Jato, na sexta-feira, 26. Denúncia do Ministério Público Federal contra os ex-deputados Pedro Corrêa e sua filha, Aline Corrêa, ambos do PP, e mais 5 pessoas, aponta que Reinasci foi usada para desviar R$ 622 mil da Câmara dos Deputados.

“Seu Ivan pegou meus documentos uma vez e levou para a Câmara. Só que eu nunca trabalhei na Câmara não, e nunca recebi salário da Câmara não. Eu trabalhava na casa do Ivan Vernon (então assessor de Pedro Corrêa), de empregada doméstica”, disse Reinasci à Justiça Federal, em audiência por videoconferência. “Eu sempre confiei nele, trabalhei 17 anos com ele.”

Os dois ex-deputados e Ivan Vernon estão respondendo por peculato. Pelos cálculos da Procuradoria da República, o valor indevidamente desviado e apropriado pelos denunciados a título de remuneração paga indevidamente a Reinasci alcança o valor mínimo de R$ 246.663,29, entre 11 de junho de 2003 e 15 de março de 2006, e de R$ 375.734,47 entre 11 de outubro de 2007 e 31 de maio de 2012, em um total de R$ 622.397,76, em valores não atualizados.

“Por meio da indicação fraudulenta da funcionária fantasma, ainda, os mesmos denunciados obtiveram vantagens ilícitas, em prejuízo da União Federal, levando-a a erro, mediante artifício de incluir nos quadros de funcionários de gabinete, no Congresso, funcionária fantasma”, sustenta o Ministério Público Federal na denúncia.
Reinasci foi nomeada para o cargo de Secretária Parlamentar em duas ocasiões. Segundo registros da Câmara, ela teria trabalhado para os ex-parlamentares Pedro Corrêa, entre 2003 e 2006, e depois para Aline Corrêa, entre 2007 e 2012. O ex-deputado está preso preventivamente desde 10 de abril pela Lava Jato. Sua filha responde ao processo em liberdade.

“Vi (Pedro Corrêa) uma vez, pessoalmente, na casa do seu Ivan. Mas nunca conversei com ele, não. Eu fiquei dentro da cozinha, só ia lá para levar água e café”, contou Reinasci em depoimento a Sérgio Moro. Ela afirmou que não conheceu Aline Corrêa.
Veja o depoimento de Reinaci à Justiça Federal
Veja a denúncia contra Pedro Correa

De acordo com a denúncia, a doméstica trabalhou para Ivan Vernon entre 1994 a 2012. Ela chegava no apartamento do ex-assessor de Pedro Corrêa por volta das 11h, e, depois, seguia para outro emprego, na casa de uma mulher.
“À época dos fatos, Ivan Vernon abriu uma conta bancária para Reinasci Cambui no Banco do Brasil em uma Agência na quadra 502, Sul em Brasília/DF, ao argumento que seria necessária a conta corrente para que a doméstica recebesse pagamentos. Reinasci afirmou que efetivamente compareceu no Banco do Brasil e assinou os documentos para abertura da conta”, aponta a denúncia.

Em audiência na Justiça Federal, ela confirmou a abertura da conta. “Uma vez, ele me chamou para ir no Banco do Brasil, na 502 Sul, abrir uma conta lá, disse que era do meu interesse”, disse. “Só que eu nunca tive contato com nenhum cartão, não vai nem para o meu endereço, nem nada. Nunca tive acesso a cartão nenhum, nem senha, nem nada.”
Segundo a Procuradoria, entre 1 de outubro de 2010 e 1 de abril de 2014, Ivan Vernon, de posse do cartão bancário da conta de Reinasci, transferiu para si a quantia de R$ 55.850, em 42 transferência bancárias. No mesmo período, ele também fez 24 transferências bancárias para Pedro Corrêa, num total de R$ 45.725,72.

“Em sede policial, Ivan Vernon afirmou que ficava em seu poder a parcela do valor subtraída que era devida a Aline Corrêa, cujos valores eram posteriormente repassados para a parlamentar. Por ocasião da busca e apreensão determinada por este juízo, foi encontrado na residência de Ivan Vernon um cartão em nome de Reinasci C. Souza, com a indicação da conta corrente, agência do Banco do Brasil, bem como anotação de dados pessoais de Reinasci, tais como data de nascimento e CPF. Apurou-se, ainda, que a senha utilizada para movimentação da conta corrente de Reinasci era 18101954, numeração que corresponde a data de nascimento do denunciado Ivan Vernon, 18/10/1954″, aponta o Ministério Público Federal na denúncia.

Do Estação Notícias Fonte: Estadão

sexta-feira, 19 de junho de 2015

FUMAÇA AMARELA NO BREJO

JULGAMENTO DO BREJO DA MADRE DE DEUS NO TSE SERÁ TERÇA-FEIRA



Os moradores do Brejo da Madre de Deus ficaram surpresos com a noticia, em primeira mão, dada por nosso blog, através do colaborador, Humberto Klause, de que o tão esperado julgamento no TSE, para definir o destino do Brejo da Madre de Deus entrou em pauta.

O Tribunal Superior Eleitoral, divulgou em seu site a pauta da próxima seção do plenário, que vai acontecer na próxima terça-feira, (23), véspera de São João, uma bela data para a comemoração.



Conversando agora a tarde com o Dr. Walber Agra, Advogado de Roberto Asfora, ele nos informou que desta vez o julgamento acontece, já que o Ministro Noronha mandou juntar tudo que existe neste processo para ser julgado de uma vez.


As redes sociais estão bombando com a noticia e os os moradores do Brejo da Madre de Deus soltaram muitos fogos com a noticia. 

segunda-feira, 15 de junho de 2015

POLICIA FEDERAL VAI COMEÇAR A INVESTIGAR BRUNO ARAUJO

PF acha planilhas com nomes de políticos e valores na sede de empreiteira.



O deputado pernambucano Bruno Araujo 

tem seu nome na lista apreendida pela 

Polícia Federal








Planilhas apreendidas pela Polícia Federal na sede da empreiteira Camargo Correa, em São Paulo, contêm nomes de políticos como o vice-presidente Michel Temer (PMDB) ao lado de valores em dólares e de obras de infraestrutura estimadas também na moeda estrangeira.

São feitas duas menções ao nome de Temer no documento, cada uma seguida pelo valor de US$ 40 mil. Por meio de sua assessoria de imprensa, Temer negou qualquer vínculo com a empreiteira. Segundo a assessoria do vice-presidente, ele nunca recebeu recursos da Camargo Corrêa “a qualquer título”.

Ainda de acordo com os assessores do vice-presidente, Temer nunca destinou emendas para obras em Araçatuba e nem para obras rodoviárias em Praia Grande.

Araçatuba e Praia Grande, municípios paulistas, são cidades que aparecem ao lado do nome do vice presidente nas planilhas apreendidas pela Polícia Federal na sede da empreiteira, ao lado também dos valores de US$ 40 mil. Na mesma tabela, constam nomes de outros deputados, senadores e prefeitos.

A PF não faz nenhuma análise sobre o documento porque os políticos mencionados detêm foro privilegiado perante os tribunais superiores – no caso dos parlamentares, o Supremo Tribunal Federal (STF) detém competência exclusiva para abrir investigação. Sem autorização da Corte, a PF não pode investigar deputado nem senador.

A PF apenas juntou aos autos da Operação Lava Jato o documento apreendido na empreiteira, que é alvo da investigação por suspeita de ter integrado o cartel que assumiu o controle dos maiores contratos da Petrobrás.

Não há nenhuma menção nas planilhas encontradas na empreiteira a um suposto caixa 2 ou pagamento de propinas. São nomes lançados ao lado de valores.

Na apreensão, a PF também encontrou planilhas que apontam doações que teriam sido feitas pela empresa a políticos do PT, PSDB, PMDB, DEM e PDT nas eleições de 2012. Os nomes dos políticos aparecem em tabelas, organizadas por partidos. Os políticos citados nas planilhas vem acompanhados por números isolados. A primeira tabela é reservada aos políticos do PT.

O material foi apreendido pela polícia durante o cumprimento de um dos mandados de busca da Operação Lava Jato, que investiga um esquema de corrupção na Petrobrás envolvendo políticos e empreiteiras. O criminalista Celso Vilardi, constituído pela Camargo Corrêa, disse que não iria comentar o documento apreendido pela PF porque não teve acesso a ele.


Fonte: Estadão

sábado, 13 de junho de 2015

Duas pessoas são mortas em acidente na PE-145 em Brejo da Madre de Deus. Há indícios de que um caminhão teria batido nos dois

As vítimas foram atingidas provavelmente por um caminhão e morreram na hora

Duas mortes foram registradas na PE-145 por volta das 18h30min deste sábado (13) em Brejo da Madre de Deus. Ao que tudo indica um caminhão bateu na traseira da moto de Adriano Geraldo do Nascimento, conhecido por Nica de 34 anos, residente no sítio Salobro. Nica era mototaxista e voltava pra casa após passar dia trabalhando no transporte de passageiros na feira livre de Brejo. Segundo informações de populares, ele era casado deixa esposa e dois filhos.

Mais adiante o caminhão fez outra vítima fatal. A deficiente mental Damiana Oliveira dos Santos, conhecida por Ana de 33 anos, estava caminhando pela pista voltando pra cidade, quando foi atingida pelo caminhão e também morreu na hora. Ela morava na Rua José Idelfonso e por muito tempo vinha sofrendo com sérios problemas mentais que a fazia perambular pelas ruas falando sozinha.

As polícias Civil e Militar estiveram no local do acidente que fica próximo ao trevo da entrada da cidade. Como não houve testemunhas, apenas os técnicos da perícia poderão esclarecer esse misterioso “duplo acidente” que ceifou a vida de duas pessoas. Até o momento ninguém sabe quem é o caminhoneiro que cometeu essa tragédia e nem sequer parou para prestar socorro as vítimas. 

Os corpos foram retirados da PE-145 e levados para a Delegacia de Santa Cruz do Capibaribe e serão encaminhados para o IML em Caruaru.
 Ana foi atingida quando caminhava pela pista


Nica morreu quando voltava pra casa para rever a mulher e os filhos


Do Estação Notícias

Briga no açougue público em Brejo da Madre de Deus por pouco não terminou em tragédia. Três pessoas ficaram gravemente feridas.

O SAMU compareceu com a Polícia Militar, mas as vítimas já tinham sido socorridas por populares 

Três pessoas brigaram e se esfaquearam dentro do açougue público municipal em Brejo da Madre de Deus. A briga que quase se transformou em uma grande tragédia, ocorreu por volta das 12h15min deste sábado (13).

De acordo com informações da Polícia, Genaldo Amaro do Nascimento, conhecido por "Có", 44 anos, residente no sítio Tambor de Baixo, estava em seu box vendendo carne quando chegaram Francisco Pedro da Silva, conhecido por "Caiçara", 61 anos, residente no sítio Estrago, e seu filho Cicero Pedro da Silva, conhecido por "Rodrigo", de 32 anos residente no Sítio Tambor do Meio, eles teriam se desentendido devido ao pagamento de um animal que teriam comercializado.

Cada envolvido pegou uma faca e começaram a se esfaquear, houve muita confusão e corregia no açougue, os três ficaram gravemente feridos. As vítimas foram socorridas por populares para o hospital local onde receberam os primeiros socorros, e em seguida, foram encaminhados para o Hospital Regional do Agreste (HRA) em Caruaru.

A feira livre que já estava fraca, ficou pior, já que muitos curiosos correram para o açougue pra ver o que estava acontecendo. Alguns machantes reclamaram do movimento e contabilizaram prejuízos, alegando que depois da briga, muitas pessoas ficaram com medo e não compareceram para comprar carne.  
Rodrigo ficou aguardando socorro deitado na calçada ao lado do açougue
Ele foi o ultimo a ser socorrido 
Populares colocaram a vítima na caçamba de um veículo particular e o levaram para o hospital local  
Do Estação Notícias

quinta-feira, 11 de junho de 2015


BOCA FECHADA NÃO ENTRA MOSQUITO



VEREADOR FALOU MUITO E IRRITOU O MINISTRO NORONHA

Como foi divulgado em primeira mão, aqui no nosso blog, o Vereador Josevaldo foi para as redes sociais e falou de um suposto jantar que aconteceria na Capital Pernambucana entre os Vereadores da bancada de situação, o Prefeito Liminar e o Ministro Noronha, Relator do processo de cassação de Jose Edson de Souza e de sua vice: Clarice Correia.

Acontece que a repercussão foi grande na cidade do Brejo da Madre de Deus e em toda região, ao ponto do Prefeito Liminar chamar o Vereador em seu gabinete e puxar sua orelha, ficando inclusive irritado e usando a seguinte frase: “Você pode acabar com tudo o que conseguimos até agora, e é porque você não bebe”.



Segundo informações, esta irritação não foi apenas do Prefeito Liminar, foi também do Ministro Noronha, quando ouviu as gravações, entregues pelos Advogados de Roberto Asfora, no outro dia, o Ministro enviou oficio para ASPLEN, determinando que coloque, em regime de urgência todos os processos do Brejo da Madre de Deus em pauta (Gráfico acima).


Por este motivo acreditamos que o julgamento deverá acontecer na próxima semana e que a coisa não vai ficar boa para o Vereador Josevaldo, que prometeu aos Boca Preta a vitória no TSE.

quinta-feira, 4 de junho de 2015

A COISA TA FEIA PARA O PREFEITO LIMINAR



O nosso informante, no Grupo Boca Preta, ou seja, de dentro da prefeitura, nos informou hoje (04), que a noticia divulgada ontem pelo Tribunal Superior Eleitoral e publicada em primeira mão por nosso blog, de que o Processo do Brejo da Madre de Deus, deverá estar entrando em pauta na próxima semana, deixou muita gente nervosa, inclusive o Prefeito Liminar.

Nosso informante disse que a Primeira Dama estava irritada com tudo, chegando a colocar para fora do gabinete uma funcionaria sem ter motivo alguma.

O Liminar não estava diferente e já marcou uma reunião para esta sexta-feira (05), com o objetivo de tentar organizar a casa, coisa que todos sabem ser muito difícil.


Se o julgamento acontecer na terça-feira, como esta prevista, a possibilidade do Prefeito Liminar deixar novamente a cadeira de Prefeito, é de 80% e se as coisas tiverem desorganizadas, sem prestações de contas aos Ministérios, vai ser pior para o Prefeito Liminar, que deverá ficar oito anos inelegível.

quarta-feira, 3 de junho de 2015


PROCESSO DO BREJO DA MADRE DE DEUS PODE VOLTAR AO PLENÁRIO DO TSE A QUALQUER MOMENTO.


O Ministro Noronha, relator do processo de cassação do Prefeito Jose Edson, da cidade do Brejo da Madre de Deus, liberou na tarde de hoje, depois de segurar por muito tempo, o Processo 13433 para a ASPLEN, Assessoria do Plenário do Tribunal Superior Eleitoral.

A qualquer momento este processo poderá ir a julgamento, pois o município espera a muito tempo uma definição com relação a cassação do Prefeito, que esta sob liminar no cargo, já que Roberto Asfora venceu a eleição suplementar.

Nosso blog  estará acompanhando as publicações do TSE através do colaborador Calsinho, e estaremos deixando os nossos leitores informados do dia do julgamento, que segundo os Advogados de Roberto Asfora so acontecerá na próxima semana, já que nesta Quinta-Feira, (04), teremos feriado em Brasilia.

AS ULTIMAS PUBLICAÇÕES DO TSE: